Skip to content
homem transpira enquanto doente ou com febre

Medicação, cirurgia e doença: a relação entre febre e suor 

O aumento da sudorese pode decorrer do aumento da temperatura, da realização de exercícios físicos e por estresse. Mas a transpiração acentuada pode também ocorrer quando estamos doentes. Se o corpo esquenta, o suor é liberado para regular a sua temperatura. 

Entre os muitos fatores que podem ocasionar a transpiração, estão os efeitos colaterais de algumas doenças, medicamentos e procedimentos cirúrgicos. Exploramos a seguir os motivos por trás do suor frio após a febre, listando quais distúrbios e remédios podem aumentar a quantidade de transpiração liberada pelo nosso organismo e quando é o momento de procurar um médico.

Quais remédios que podem causar transpiração excessiva?

O suor excessivo pode tratar-se de um efeito colateral do uso de vários tipos de medicamentos, como:

  • Comprimidos para a pressão arterial
  • Analgésicos
  • Antibióticos
  • Antidepressivos
  • Remédios gastrointestinais
  • Remédios dermatológicos
  • Comprimidos para diabetes
  • Reposição hormonal

Se estiver sofrendo com alguma doença infecciosa, saiba que a febre causa suor, mas converse com o seu médico caso note que a sudorese excessiva é efeito colateral da medicação que você está tomando ou deixando de usar.

Febre e suor: por que transpiramos muito quando temos gripes ou infecções?

Conforme mencionado, o excesso de transpiração pode ser causado por uma infecção viral ou bacteriana, principalmente quando ocorre suor depois da febre. Neste caso, o corpo trabalha dobrado para regular a temperatura e retorná-la ao normal - em torno de 36°C a 37°C -, o que leva a pessoa a transpirar mais.

Para reduzir o impacto do suor frio após febre, é indicado tomar um analgésico. Já se a sua temperatura corporal estiver acima de 38°C é recomendável procurar orientação médica, pois isso pode se tratar de uma infecção mais séria que exige o tratamento com antibióticos ou outros medicamentos específicos e acompanhamento especializado.

Transpiração é sintoma de quais doenças?

Suor em excesso também pode ser sinal de outros tipos de doenças ou condições médicas, além de infecções. Em muitos casos, a febre causa suor noturno, mas quando o problema for recorrente e/ou estiver acompanhado por transpiração excessiva durante o dia, isso pode consistir em indicadores de:

  • Diabetes
  • Tuberculose
  • HIV/AIDS
  • Distúrbios hormonais
  • Doença do refluxo gastresofágico

Se o excesso de febre e suor persistir faça uma visita ao seu médico para investigar a causa do problema.

Por que transpiro muito após uma cirurgia?

Se você passou por uma cirurgia recentemente, a sudorese excessiva pode ocorrer como um efeito colateral da anestesia. O sintoma deve passar dentro de um dia ou dois. Entretanto, se a sudorese persistir mesmo depois de algum tempo após a operação, procure o seu médico, pois o suor também pode ser sinal de uma infecção decorrente da operação.


Mais Rexona